sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Mundo Pixel




Pixel Art, vindo dos graficos de jogos dos anos 80 quem nunca jogou super nintendo top gear eu por exemplo colocava o dedo encima do carro pra ver se ele se moveria mas isso nunca aconteceu xD eles sempre ficam parados no meio da pista na verdade é a pista que se move.. isso me deixou atormentando por muito tempo pois bem voltando.. Essa arte vem invadindo nossas casas nossos computadores [ ai meu deus !! vão dominar o mundo ]







O termo pixelArt foi usado pela primeira vez por Adele Goldberg e Robert Flegal, da XeroxPalo Alto, em 1982 numa compilação de artigos editada pela ACM (a Associação para Maquinaria da Computação) embora dez anos antes Richard Shoup, também da Xerox, já houvesse cavado o conceito para pensar seu software SuperPaint (MAC). Mas, independente da paternidade, fato é que a técnica já estava consolidada: edição de imagens, sem aplicação de filtros ou modos especiais de renderização através da alocação cuidadosa de cada um pixel com o auxilio de uma ferramenta que se assemelhe a uma caneta de pontos até que se obtenha o resultado necessário. A única “ferramenta extra” é qualquer um modo de ampliação da imagem em questão. No final, tudo deve ser armazenado na mais baixa compressão possível, assim, será atribuído à cada pixel preservará sua cor mais exata.





Mundo Pixel, muito interessante irei estudar mais sobre ou perguntar pra Fabio xD se tiver mais noticias ou criar algo certamente postarei aqui :D E por aqui ficamos :D~












FIQUE POR DENTRO [ NOTICIA ] - Os Irmãos Campanas

Hoje noticia sobre um admirado designer meu, na verdade os dois.. irmãos campana [ se você é calouro e esta lendo isso concerteza quando tiver oportunidade de estudar as coisas dele você tambem ficara encantado ] ou mesmo você que não é calouro e nunca leu ou viu nenhuma obra dos dois é uma boa ficar por dentro e procurar algumas peças dos dois


IRMÃOS CAMPANA LEVAM O PRÊMIO DESIGNER DO ANO EM MIAMI

Humberto e Fernando Campana receberam o Prêmio Designer do Ano no evento Design Miami 2008, feira internacional de design, entre os dias 6 e 9 de dezembro nos Estados Unidos.

A dupla se destacou sobretudo pela relação entre produção comercial, artesanato e as possibilidades de edição limitada. Os brasileiros marcaram sua participação com a instalação Diamantina, exposta na praça central do evento. A obra pode ser vista como a evolução da série artística Transplatic, apresentada em 2007 na Albion Gallery, em Londres. Os Campana utilizaram a planta brasileira apuí, que cresce no meio de árvores, e colocaram em torno dela objetos de plástico como cadeiras, bonecas e pneus. A ideia foi mostrar os objetos sendo "engolidos" pelas plantas, representando o triunfo da natureza sobre o material sintético.


[ Mais sobre eles ]
Conhecidos internacionalmente como Irmãos Campana, Fernando (1961) e Humberto (1953) nasceram no interior paulista. O Estúdio Campana surgiu há 21 anos. Fios emaranhados ou entrelaçados dos mais variados materiais, como algodão, plástico, cobre etc., retalhos coloridos e estampas em formas exuberantes transformam uma cadeira numa obra de arte. Muito além da beleza plástica, as suas peças materializam o génio inventivo, explosivo, poético, inquieto, o espírito brasileiro, impregnado de uma grande consciência ecológica.
“Fernando e Humberto andam pela cidade, são atraídos por vendedores de rua e por lojas de bric-a-brac, tiram do quotidiano popular a inspiração para as suas criações, percorrem o mundo e retornam para o campo, para Brotas, a cidadezinha onde cresceram. Esse ir e vir constante traz como resultado uma obra de matriz brasileira e expressão universal”.




Cadeira Anémona, 2000




-Abril de 1998. A cadeira Vermelha dos irmãos Campana faz sucesso no estande da Edra, no Salão do Móvel de Milão. Essa é, sem dúvida, yna data histórica para o design nacional. Apartirde então, o nome da dupla passou a figurar entre as celebridades mundias do setor, despertando o interesse da imprensa internacional para outros criadores brasileiros. Geniais, instigantes, provocativas, supreendentes, suas peças estão no imaginário de todos que gostam de design. Por isso mesmo, a cada ano, seus lançamentos para o salão de milão são cercados de grandes expectativas. Durante os últimos sete anos, alguma criaçoes antigas da dupla foram relançadas pela Edra como a cadeira Favela e a mesa Brasília, em 2003 e a poltrona Coralo em 2004. Mas, como surpreender faz parte do perfil dessa dupla.



Cadeira Favela (1991)




Bom, espero ter passado um pouco pra vocês sobre a gênialidade desses dois brasileiros. E por aqui fica eu :D~ até a proxima nesse mesmo batblog [ desculpa não pude evitar ]






quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Stickers - Cole você tambem a sua ideia



"A cidade é forma e o simbolo de uma relação social integrada" Munford.

Opa! hoje apresendo um pouco sobre Street Stickers ou Stickers Art. -Para todos aqueles que acham que a cidade é algo morto sem vida. está enganado ela é fonte de inspiração e lugar de se fazer protesto e arte se você já se deparou com adesivos colados pela cidade e ficou imaginando o que aquilo significa pois ae então vai um pouco de historia, aprenda o que significa como fazer, pra que serve e onde colar.




Alguns Stickers meus - Colados na UFMA
-Reutilização do espaço urbano. Para alguns arte, para outros ato de vandalismo.
Um pouco sobre a historia dos Stickers

Chamado de 'Stickers Art' são adesivos personalizados com intuito de intervir no meio urbano com propostas tanto social como apenas estetica, geralmente colados em placas, faróis ou lixeras.


Um adesivo na rua pode ter bastante impacto sobre a cidade e pode causar mais diversas interpretações e sensações, desde o adesivo que já foi pensado com um propósito a um adesivo que foi colado simplesmente por estética.




Popularizado na década de 1990 entre grupos urbanos, da cultura alternativa. Há também os Lambe-Lambes, que não são adesivos e tem que se comprar ou preparar cola. sendo a cola caseira melhor, por ser mais dificil de ser arrancado. Aqui vai uma dica - Cola-Caseira: 6 colheres de sopa de farinha de trigo, 2 copos de água e 4 colheres de sopa de vinagre


- Bom é isso ae aprender um pouco mais sobre culturas e artes populares e sair pelo mundo colando suas ideia



Adesivando Ideias

- Vital Amorim Vital

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

A febre Tokidoki

Tokidoki - Olá caros leitores hoje falo um pouco mais sobre toys e mais especifico uma marca que tenho como referencia chamada tokidoki, ele magico por suas formas e cores bonecos bonitinhos. Ao inicio bonecos, brinquedos, toys; porem sua forma se misturaram a qualquer outro tipo de produto e hoje sem duvida é uma febre deixando qualquer menina ou alguns garotos afim de ter uma de suas peças.


Confira um pouco mais sobre essa marca
Um pouco mais > Tokidoki.it -Simone Legno, um designer italiano de Roma. Ele criou este site para mostrar seu trabalho, e acabou virando uma marca mundialmente conhecida. Tokidoki é uma palavra japonesa, quer dizer “as vezes” ou “de vez enquando”. Assim como o nome do seu site, sua infuencia eh bastante marcada pela cultura japonesa, animes e coisas “kawaii” (bonitinhas, em japonês) são características óbvias no trabalho do Simone. Costuma trabalhar muito com Flash, e ferramentas de vetor, suas ilustrações alem de fofinhas são muito coloridas e animadas, e como ele mesmo diz, “… estou realizando o meu sonho de fazer o mundo mais colorido e positivo através do Tokidoki”. E de fato está mesmo, ele não para de crescer e como se não bastasse agora inaugura sua primeira loja em Milão, na Itália. E assim ele vai fazendo fama com seus produtos que invadem o mundo Simone me influenciou muito quando se trata de um estilo bonitinho onde o alvo são as mulheres, e ele sabe exatamente do que elas gostam























Brinquedo de gente grande [ Wikipédia ]

Definição

Toy art
, designer toys, urban vinyl, etc, são vários termos que definem o conceito de "brinquedo de arte". É um brinquedo feito para não brincar, dirigido para pessoas com idade acima de 14 anos - especialmente adultos - e com o intuito de colecionismo e/ou decoração. O toy art é, em síntese, uma "tela" em 3 dimensões para artistas e designers expressarem sua arte. Toy Art é manifestação contemporânea que se apropria do brinquedo para mesclar design, moda e urbanidade.

Porém, na prática não são brinquedos. Brinquedos comuns costumam serem produzidos aos milhões e suas séries são constantemente relançadas devido ao sucesso. Um toy art sempre terá tiragem limitada, numerada ou assinada, e não será relançado - a não ser se for criada nova versão de grafismo. Brinquedos são para crianças brincarem (posteriormente, destruir ou passar adiante). Um toy art é para um adulto ou adolescente colecionar, guardar e cuidar. Quando tem algum membro articulável, serve apenas para mudar a pose na exibição. A temática de um brinquedo é geralmente infantil, baseada em bichinhos, personagens famosos, de desenhos animados ou super-heróis. Os temas de um toy art podem ser meigos, violentos, subversivos, políticos, cômicos, criativos ou de linguagem urbana, underground, erótica, satírica, etc. O intuito do toy art é, como qualquer obra de arte, causar alguma reação no observador. Bons exemplos: O palhaço do "Ronald McDonald´s" de Ron English e o "Mickey" de Keith Haring.


História

Em 1998, um desconhecido artista de Hong Kong, Michael Lau, levou para uma amostra de brinquedos alguns GI Joe (o nosso conhecido Falcon) remodelados e customizados, com roupagem hip-hop, logos, correntes e jeans. Fizeram o maior sucesso, pois eram diferentes de tudo que se havia visto. Essa criatividade estimulou a imaginação de muitos artistas e pessoas normais. Lau fez 101 figuras customizadas assim. Hoje ela valem como verdadeiras jóias.

Michael Lau ganhou status de mito, e é citado sempre que se fala nas origens do movimento, ao lado de James Jarvis, Eric So, Bounty Hunter, Brothersfree, Jason Siu, Tim Tsui, Jakuan, Furi Furi e outros. O Big Bang de 1998 reverberou no mundo todo.

Curiosidades
DIY

Do It Yourself, ou "faça você mesmo". São toys customizáveis, geralmente brancos, sem desenho algum. São vendidos para quem quiser fazer a arte do seu jeito, criando um design exclusivo. Usa-se tintas, canetas especiais, tecidos, acessórios, etc.

Customs

Customs (ou customizações) são toys modificados por artistas para se obter um design único, aproveitando a produção e formato do mesmo. É o caso dos GI-Joe

s citados, ou mesmo os DIY preparados para esse fim. Vários artistas vivem exclusivamente de customizações, vendendo ou leiloando suas criações.


Séries

Uma série é uma linha de variações gráficas sobre um mesmo modelo de toy. Também podem ser vários toys de formas diferentes sobre um mesmo tema, ou variações de formas e/ou desenhos de um só artista. Uma série típica possui cerca de 10 a 15 toys, variações de ratio e toys secretos.


Blind Box

São toys que vêm em pequenas caixas lacradas, e quem compra não sabe o que tem dentro. A desvantagem: você pode comprar dois boxes e tirar o mesmo toy. A vantagem: se você der sorte, pode tirar um item raro, que pode valer no mercado centenas de dólares. Uma característica interessante: Para evitar ao máximo que espertinhos abram as caixas e vejam o que há dentro antes de vender, algumas empresas colocam seus toys em embalagens metálicas, que não revelam o conteúdo - nem em Raio-X.


Open Box

É uma blind box aberta. O comprador, nesse caso, já sabe o que tem dentro. Isso é bom pra quem não pode ou não quer comprar várias unidades fechadas pra tirar o toy que lhe agrada. Ou precisa apenas completar sua coleção mais facilmente. Porém o preço do toy varia conforme sua ratio, o que não acontece com a blind box, onde o preço é fixo.


Ratio

Nas Blind Boxes, é a proporção em que você pode encontrar o toy. Por exemplo, se um toy tiver ratio de 2/25, você poderá encontrar dois iguais num lote de 25 boxes. Os mais raros são os 1/100, 1/400, por exemplo. Porém, existem casos em que mesmo sendo comuns, alguns toys se tornam raros, por serem mais procurados ou desejáveis.


Chases

Nas Blind Boxes (ou qualquer linha de toys), normalmente existem os chases, que são unidades secretas de uma série. Seu ratio é indeterminado (??/??) e geralmente a figura não vem impressa na embalagem e não é divulgada logo de início. Também chamados de mystery figures. Porém, um chase não é necessariamente raro. A presença de um chase incentiva o colecionismo e o valor do toy/série.

Pretendo depois fazer um poste sobre a famosa Tokidoki pesquisarei a respeito de alguns toys Brasileiros como IMAN e Fafitoys

E esse poste fica por aqui :D


Um bom design deve saber [ Marca e Identidade da marca ]

Parte -1
Um bom design deve saber o que é a marca o que é identidade visual pra que serve como se relaciona isso com as pessoas e ao mercado
• O que é uma marca?!
- A marca é a promessa, a grande ideia e as expectativas que residem na mente de cada consuidor a respeito de um produto, de um serviço ou de uma empresa.

"A marca não é Aquilo que você diz que é. É aquilo que eles dizem que é"
É importante saber o que é Identidade de uma marca.. [ identidade de marca ]
-Enquanto as marcas falam de modo virtual para a mente e para o coração a identidade da marca é tangivel e apela para os sentidos
O logotipo é o ponto de entrada da marca - um bom visual chama atenção e despertar a curiosidade da pessoa em relação ao seu produto
Brand Equity - nome dado ao valor de sua marca por exemplo a Coke [ Cola-Cola ] que custa 83,8 Bilhoes um pouco menos que a Google que já ultrapassou a marca de 86 Bilhões

É importante ter em mente que o visual é tudo hoje em dia "Uma imagem vale mais que mil palavras" isso corresponde bem ao mercado e pra isso cientistas informam que nós primeiros identificamos as formas depois a cor e depois o conteudo
Então ao se ver uma marca a sequencia cognitiva vai estar em ordem 1- Forma 2- Cor 3- Conteudo

Uma boa identidade faz muito pela empresa pois ela expresssa que especie de organização a empresa é, Conecta sua empresa a imagens e ideias. Por exemplo quando vemos o simbolo da nike ou os tres traços da adidas dentre outros só aquela imagem já nos faz lembrar do que ela trata sua qualidade sua confiança sua ordem

Bom por hoje é só, logo mais espero informar a respeito de Criterios Funcionais de um Logotipo
Então um grande abraço e obrigado a todos

MiM

MiM - seria a forma resumida de Made in Mente, blog este que pretendo mostrar um pouco do que sou
Eu me chamo Vital, sou estudante de Design da universidade federal do Maranhão
, e pretendo por meio deste mostrar assuntos sobre Design e um pouco de minhas "artes" se posso chamar assim











video